Origem do nome Ladrilho hidráulico

Ladrilho hidráulico estrela

O ladrilho hidráulico remonta 100 anos de tradição, virou febre por seu ar elegante, peças únicas e artesanais, há divergências quanto ao seu surgimento mas a teoria mais aceita é de que teve sua origem no Império Bizantino em Constantinopla, inspirado nos nos antigosmosaicos bizantinos.

Sua época dourada foi em meados do século XVII onde na França, e em outros lugares da Europa o adotaram como fonte de decoração em imponentes castelos dentre outras construções da época, dando um toque de elegância e personalidade única aos respectivos lugares.


O ladrilho hidráulico carrega até hoje o cimento Portland em sua composição, pois, após seu renascimento na década de 80 (ano em que teve uma grande popularização que cresce até os dias de hoje), surgiu ao mesmo tempo em que a fábrica de cimento Portland tornava-se uma potência em seu ramo.

Sua composição é cem por cento feita artesanalmente, sendo difícil especificar dosagens dos materiais os quais são utilizados já que sua fórmula passa de artesão para artesão, variando através de sua experiência e principalmente dependendo de um bom olhar visual sobre a peça para verificar se a mesma está ficando no estado desejado, a quantidade feita também não tem como ser específicada já que depende exclusivamente das mãos do artesão sobre suas criações, os ladrilhos podem ser usadas tanto em interiores dando um charme ao banheiro e cozinhas, por exemplo, como em exteriores sendo mais usado como calçamento, possui uma ótima durabilidade, sendo comprovada através de patrimônios históricos intactos que o carregam em sua composição.


Um belíssimo e famoso exemplo disso é o Palácio de Versalhes, tendo sua arquitetura intacta até hoje e sendo um dos mais populares pontos turísticos da França. Outra vantagem do ladrilho além de sua durabilidade é que ele se movimenta junto com o piso, ou seja, não precisa de rejunte já que tem a possibilidade de utilizar juntas cegas ou milimétricas em sua colocação, sendo necessário impermeabilizar as peças para que evite o manchamento das mesmas.

No Brasil, inicialmente, as peças eram importadas de Portugal, França e Bélgica, onde por causa do custo da importação o valor se tornava elevado, mas no final do século XIX os segredos de fábrica foram revalados graças a um cônsul suíço que trouxe a técnica para território nacional, dando início a sua fabricação por aqui, com o custo reduzido, os ladrilhos tiveram uma explosão de vendas, mantendo-se firmes no mercado até os dias de hoje.


Após toda a história sobre como ele surgiu ainda há uma pergunta a ser respondida: qual a origem de seu nome?


O ladrilho é composto e dividido em três camadas distintas de argamassa prensada. A primeira etapa é composta por corante diluído sendo que em alguns casos os artesãos fazem verdadeiras alquimias através da mistura de cores para atingir o tom desejado, criando o desenho através de formas com o maior cuidado possível, a segunda etapa é a areia onde é utilizada para a camada colorida e a secante, por fim o "corpo" do ladrilho, sendo feito de cimento para a fabricação da camada secante e da argamassa, após sua fabricação as peças vão para o banho de imersão, o que consiste no endurecimento do cimento através de sua interação com a água, assim dando origem ao nome ladrilho hidráulico.

© Copyright 2019, Mosaicos Amazonas | Especialista em Ladrilho Hidráulico e Piso Tátil de Concreto